Banner 1

 

 

Foto3.jpg

CEC Forma Jornalistas Televisivos em Jornalismo de Dados

O Centro de Estudos Interdisciplinares de Comunicação (CEC) levou a cabo uma acção de capacitação e mentoria em matéria de jornalismo de dados para oito jornalistas televisivos baseados na cidade de Quelimane, província da Zambézia.

O seminário de capacitação decorreu entre 25 e 26 de Setembro com o objectivo de dotar aos jornalistas televisivos de conhecimentos práticos sobre técnicas aplicadas no jornalismo de dados a nível internacional para a produção de reportagens profundas baseadas em números.

Durante os dois dias de formação, os jornalistas aprenderam a manusear algumas ferramentas que suportam o jornalismo de dados tais como o excel, tableau public, google fusion fable, outwit hub, Premire Pro e After effects. Com estas ferramentas os jornalistas estão habilitados para produzirem gráficos interactivos, gerarem códigos geográficos bem como ensairem animações de textos e gráficos.

Nos próximos trinta dias, os jornalistas capacitados, com a mentoria do CEC, estarão a produzir reportagens televisivas aplicando técnicas de Jornalilsmo de dados sobre temas ligados ao Orçamento Municipal, situação dos presos em Quelimane, a provisão da água potável na zambézia e a Desiguladade Social.

Em geral, os Jornalistas formados mostraram-se satisfeitos com as lições abordadas no evento e prometem aplicar os conhecimentos adquiridos no seu quotidiano, garantindo que os mesmos ajudarão a melhorar a qualidade dos seus trabalhos. Os jornalistas garantem, igualmente, que irão replicar os conhecimentos adquiridos aos outros profissionais que não puderam se beneficiar da capacitação.

Segundo Nelson Máximo, Jornalista da TV Miramar, “a capacitação é uma oportunidade única. Com ela podemos estar em pé de igualdade com jornalistas de outros países que já estão muito avançados nesta temática”. Para Zito Ossumane, da Txopela TV, esta formação confere-lhe mais confiança para dar um salto qualitativo nos seus conteúdos jornalísticos e recomenda que o CEC promova mais acções desta natureza para vários outros jornalistas em Moçambique.

FaLang translation system by Faboba